Tontura e Vertigem: Quais as diferenças?

tontura-vertigem-diferencas

A tontura e a vertigem são termos muitas vezes confundidos. Apesar de ambos estarem associadas às alterações de equilíbrio, o facto é que têm origem em diferentes tipos de condições*.

De acordo com profissionais qualificados*, a tontura é a sensação de ver o sentido do espaço alterado, uma distorção espacial que pode provocar desequilíbrio, fraqueza ou entorpecimento.

Já a vertigem* é uma sensação mais amplificada e caracteriza-se por uma potencial falsa sensação de movimento ou de rotação da própria pessoa ou do meio envolvente, podendo originar náuseas e vómitos.

Como tanto a tontura como a vertigem têm em comum a sensação de desequilíbrio e de ter a cabeça a andar à roda, é importante conhecer ambos os termos.

Tontura e Vertigem

Segundo profissionais qualificados, a tontura e a vertigem, apesar de não serem equivalentes, têm origem em algumas condições semelhantes, como dificuldades auditivas, complicações neurológicas, problemas cardiovasculares ou medicação*.

Tontura

Como já referido, a tontura pode ser descrita como uma sensação de distorção espacial, de que se está a flutuar.

Para essa sensação, podem contribuir condições como a desidratação, o esgotamento devido ao calor, níveis baixos de glicose no sangue, anemia por falta de ferro, a ansiedade, enjoo de movimento ou o excesso de consumo de álcool*.

Vertigem

A vertigem, embora, tal como a tontura, esteja associada às sensações de desequilíbrio e da cabeça andar à roda, pode ter origem em várias condições.

Algumas das mais conhecidas pelos profissionais qualificados* incluem Vertigem posicional paroxística benigna (que pode ser tratada com o recurso a uma ida a um profissional qualificado), ou por dificuldades relacionadas com a audição, como a Síndrome de Ménière, Labirintite, ou o Zumbido.

cuidados-vertigens-tonturas

Comportamentos que podem ajudar

As condições associadas à tontura e à vertigem devem ser acompanhadas por profissionais qualificados*. Existem, no entanto, comportamentos conhecidos que podem ajudar à prevenção de ambas:

Resposta pode estar nos Aparelhos Auditivos

A melhoria para a tontura e vertigem deve ser procurada através de aconselhamento junto de um profissional qualificado*, devendo consultá-lo se os sintomas de ambas as condições persistirem.

De qualquer modo, a tontura e a vertigem podem ser causadas por condições auditivas como a Síndrome de Ménière, o Zumbido ou a Labirintite, as quais podem ser melhoradas com recurso a aparelhos auditivos.

Na AudiçãoActiva dispomos de uma vasta gama de aparelhos auditivos. Conheça-os através de uma avaliação gratuita!

Especialista de Avaliação AudiçãoActiva

Marque uma avaliação e experimente grátis um aparelho auditivo!

Envie o seu número de telefone que nós ligamos gratuitamente

*

* Campos de preenchimento obrigatório

Gostou deste Artigo? Partilhe através da sua plataforma favorita:

Facebook
Twitter
Email

Veja Ainda:

Na AudiçãoActiva1 queremos que se mantenha sempre a par das principais novidades e este blog é o mais recente meio de partilha. Aqui serão partilhadas as mais diversas informações. Fique atento e mantenha-se informado!
(1) AudiçãoActiva é uma empresa especializada na área da venda e programação de aparelhos auditivos. AudiçãoActiva não é prestadora de serviços de saúde. Os conteúdos dos artigos disponibilizados nesta página são meramente informativos e as suas fontes encontram-se devidamente referenciadas e confirmadas.

Preencha o formulário para ser contactado pela nossa equipa:

*

* Campos de preenchimento obrigatório

Escolha a AudiçãoActiva, escolha ouvir melhor!
Ainda tem dúvidas? Fale connosco:
Especialista de Avaliação AudiçãoActiva