icone pin header Veja a loja mais próxima

Escuta activa: o que é, importância e como treinar?

A escuta activa é uma habilidade que vai muito além de simplesmente ouvir as palavras que a outra pessoa diz. Neste artigo perceba porque é tão importante ser-se um ouvinte activo e conheça algumas técnicas que vão ajudar a aperfeiçoar essa capacidade.

O que é a escuta activa?

Sabia que ótima forma de melhorar as suas capacidades de escuta é através da escuta activa? A escuta activa envolve ouvir com todos os sentidos. Não basta apenas absorver as palavras que a outra pessoa está a dizer.

Ouvir é uma habilidade que tem um enorme impacto na eficácia do seu trabalho e até na promoção de relacionamentos saudáveis com família, amigos e colegas.

De acordo com a verywellmind, quando demostramos que estamos realmente a ouvir, a experiência torna-se mais gratificante para a pessoa com quem estamos a falar, sendo que nós também conseguimos tirar mais proveito disso. De facto, isso pode ajudar a evitar mal-entendidos e, em certos casos, reduzir o potencial de conflito.

Como ouvir de forma activa?

Tal como em qualquer outra habilidade, escutar ativamente leva tempo, sendo necessária alguma prática. A maioria das pessoas não é tão boa a ouvir como pensa.

De facto, na comunicação, a escuta é muitas vezes negligenciada. Grande parte das pessoas foca-se tanto em partilhar as suas próprias experiências, esquecendo-se que ouvir é uma habilidade que exige prática e atenção constante.

Conheça agora algumas das técnicas mais eficazes para se tornar num ouvinte activo, segundo os portais MindTools e University of People:

1 – Preste atenção ao orador

Nem tudo o que está envolvido na escuta activa requer palavras. O contacto cara a cara é muito importante numa conversa. Contudo, tente não olhar fixamente, já que pode ser intimidador. Além disso, evite ser distraído por fatores ambientais, como conversas paralelas.

2 – Mostre que está a ouvir

Sorrir é sempre um bom ponto de partida. É muito importante ainda que mantenha uma postura aberta, interessada, e incentive o orador com comentários positivos. 

3 – Faça comentários (mas só certeiros)

Os nossos julgamentos e crenças pessoais podem distorcer aquilo que ouvimos. Por isso, como ouvinte, é fundamental que entenda aquilo que está a ser dito. Essa é uma tarefa que exige, muitas vezes, reflexão e a realização de perguntas. Faça perguntas quando precisa de esclarecer certos pontos. Exemplo: “o que quer dizer quando diz…?” “É isto que quer dizer?”

4 – Adie o julgamento

Evite interromper. Quando interrompe o orador, isso torna-se frustrante, podendo limitar a compreensão total da mensagem. Assim sendo, deixe que o orador termine cada ponto antes de fazer perguntas.

5 – Responda apropriadamente

Acima de tudo, a escuta ativa existe para encorajar o respeito e a compreensão. Por exemplo, não irá ganhar nada em estar a atacar ou rebaixar o orador. Deve ser sincero, aberto e honesto nas suas respostas. Mesmo quando não concorda com alguma posição do orador, é necessário que afirme as suas opiniões respeitosamente. Trate a outra pessoa da forma que considere que ela gostaria de ser tratada.

6 - Partilhe experiências semelhantes

Ao ouvir e partilhar situações semelhantes com a pessoa com quem está a falar, é possível que se conecte a um nível mais profundo e deixe uma impressão duradoura.

Porque a escuta activa pode ser importante?

Trabalhar o hábito de ouvir ativamente pode ter um impacto muito positivo em diversas vertentes da sua vida, seja nos relacionamentos, no seu trabalho e nas suas interações sociais.
Saiba agora quais são os benefícios de praticar a escuta activa, de acordo com a In Professional Devolopment e a University of People:

• Evita que perca informações importantes;
• Permite identificar ou antecipar problemas;
• Ajuda a adquirir mais conhecimento;
• Pode ajudar a capacitá-lo como líder;
• Ajuda a demonstrar empatia e compaixão.

casal senior a praticar escuta ativa

O que é a escuta passiva?

Ao contrário da escuta activa, a escuta passiva não requer muito esforço. A escuta passiva acontece quando está a ouvir alguém sem colocar 100% da sua atenção nessa tarefa. É, portanto, um tipo de comunicação bastante unilateral e as respostas são geralmente escassas. Por isso, é frequente que um ouvinte passivo não consiga captar tudo aquilo que esteja a ser dito.

Conclusão

Ouvir está presente em tudo na vida e sua importância é inegável.

Tal como pôde perceber neste artigo, a escuta activa é uma habilidade social e de comunicação que tem um impacto real no seu dia a dia.

Não se considera um ouvinte activo? Hábitos enraizados são difíceis de quebrar, mas com algum esforço e com as técnicas que lhe deixámos, certamente vai chegar lá.

Fontes:

https://www.verywellmind.com/what-is-active-listening-3024343

https://www.mindtools.com/az4wxv7/active-listening

https://www.inpd.co.uk/blog/benefits-of-active-listening

https://hrdqstore.com/blogs/hrdq-blog/passive-listening-examples-comparisons

Especialista de Avaliação AudiçãoActiva

"*" indica campos obrigatórios

Marque uma avaliação e experimente grátis um aparelho auditivo!

Envie o seu número de telefone que nós ligamos gratuitamente

*

* Campos de preenchimento obrigatório

Gostou deste Artigo? Partilhe através da sua plataforma favorita:

Facebook
Twitter
Email

Veja Ainda:

"*" indica campos obrigatórios

Preencha o formulário para ser contactado pela nossa equipa:

*

* Campos de preenchimento obrigatório

Escolha a AudiçãoActiva, escolha ouvir melhor!
Ainda tem dúvidas? Fale connosco:
Especialista de Avaliação AudiçãoActiva

Nota informativa:

Na AudiçãoActiva1 queremos que se mantenha sempre a par das principais novidades e este blog é o mais recente meio de partilha. Aqui serão partilhadas as mais diversas informações. Fique atento e mantenha-se informado!
(1) AudiçãoActiva é uma empresa especializada na área da venda e programação de aparelhos auditivos. AudiçãoActiva não é prestadora de serviços de saúde. Os conteúdos dos artigos disponibilizados nesta página são meramente informativos e as suas fontes encontram-se devidamente referenciadas e confirmadas.